Página inicial Uma Jornada de 80 anos

A Epson surgiu da magnificência da natureza ao longo das margens do Lago Suwa.

Nossa conexão com esse ecossistema impulsiona nossos negócios. As tecnologias que fomentam o desenvolvimento de novos produtos inovadores devem contribuir para um ambiente próspero.

Nossa filosofia é baseada em tecnologias exclusivas, eficientes, compactas e de precisão. Esse é o nosso DNA. Nossa história de criatividade e desafios se originou na montagem de componentes de relógios, progredindo para o desenvolvimento de tecnologias responsáveis por muitos produtos pioneiros no mundo.

De impressoras e projetores a robôs e wearables, nossas criações melhoram a vida em todo o mundo. Em 2022, nós da Epson comemoramos nosso 80º aniversário. Nosso compromisso é continuar a servir a sociedade e o planeta, criando um futuro sustentável que enriquece a vida das pessoas em todos os lugares.

Yasunori Ogawa

Presidente e CEO

Seiko Epson Corporation

A Seiko Epson Corporation comemora seu 80º aniversário em 2022. Gostaríamos de expressar sincera gratidão aos nossos muitos clientes e partes interessadas.

Localizada próximo a margem do Lago Suwa, a Epson começou sua trajetória como fabricante de peças para relógios. O fundador da empresa prometeu nunca poluir o Lago Suwa, e continuamos a honrar sua promessa até hoje.

Nós da Epson sempre exercitamos a criatividade e nos desafiamos a fornecer produtos e serviços que superem as expectativas de nossos clientes em todo o mundo, aproveitando as tecnologias eficientes, compactas e de precisão que desenvolvemos e aperfeiçoamos desde a fundação da empresa em 1942.

Em março de 2021, atualizamos nossa visão corporativa, Epson 25, e agora estamos operando sob o Epson 25 Renewed, que define como objetivo "alcançar a sustentabilidade e fortalecer as comunidades". No passado, procurávamos usar nossas sólidas tecnologias para criar produtos inovadores. No futuro, também procuraremos usar nossas tecnologias para resolver problemas sociais, focando particularmente na superação dos desafios ambientais globais.

Acreditamos que nosso propósito como empresa é contribuir para a sociedade e para o bem-estar dos colaboradores. Também acreditamos ambos são inseparáveis. Cuidar de nossos funcionários e contribuir com a sociedade gerará confiança e orgulho internamente, o que nos impulsionará para contribuir ainda mais com a sociedade.

Continuaremos a trabalhar em conjunto com nossos diversos stakeholders para resolver questões sociais, alcançar a sustentabilidade e melhorar a qualidade de vida em todo o mundo.

A Jornada Epson

Capítulo 1 - Suwa, onde tudo começou

Lições da Natureza.

Todo mundo tem sua cidade natal.
Nós também.
Suwa no coração do Japão.
Nossa história começou em um antigo armazém de missô a partir da visão de Hisao Yamazaki e seus nove funcionários. Crescemos cercados pelo Lago Suwa e pelas terras altas das Montanhas Yatsugatake. Até hoje, somos inspirados por esta terra.

Suwa nos ensinou muito. Uma forma de viver em harmonia com a natureza, que transmitimos por gerações. Os habitantes viveram e prosperaram neste ambiente hostil observando as rachaduras do cume de pressão Omiwatari na superfície gelada do Lago Suwa. Aqui, o frio do inverno penetra todas as partes, uma dificuldade que nossos ancestrais compreendiam. Mas, em vez de partir, eles habitaram aqui, celebrando a Terra, a Natureza e Suwa, e vivendo em harmonia com o lago e as montanhas.

Esse modo de vida era natural naquela época e natural para nós hoje. Este é o espírito do nosso artesanato e a inspiração para a nossa qualidade.

Artigo

O início: As margens do Lago Suwa, Prefeitura de Nagano.
Produtos Feitos em Harmonia com a Natureza

Oito décadas atrás, a Epson embarcou em sua jornada, montando componentes de relógios.

A província de Nagano, no Japão, possui uma flora exuberante, os majestosos picos dos Alpes Japoneses e uma vida selvagem diversificada. Aqui, a Daiwa Kogyo – a precursora da Epson – iniciou seus negócios em 18 de maio de 1942, nas margens do maior lago de Nagano, o Lago Suwa.

Os habitantes da área há muito tempo reverenciam o ambiente natural do lago, vivendo em aldeias e montanhas com gratidão pela generosidade da terra. O Lago Suwa encapsula a beleza e a severidade da natureza – e a santidade do meio ambiente. Um ambiente que há muito sustenta o povo de Suwa. Mais de 2.000 anos atrás, no período Jomon, os moradores pescavam nas águas de Suwa e extraíam seu gelo para transportar através do lago. Por muitos anos, o Lago Suwa foi fundamental para a sobrevivência.

 

Invernos frios e rigorosos impediram a agricultura, de modo que os moradores de Suwa dependiam da caça e dos alimentos da montanha para seu sustento, aprendendo a viver com a terra. Uma relação próxima que ainda existe hoje. Naquela época os moradores já respeitavam o meio ambiente.

Hoje, a Epson emprega cerca de 77.000 pessoas em todo o mundo e as vendas corporativas globais ultrapassam um trilhão de ienes. Mas sua jornada começa em um antigo armazém de missô, montando peças de relógio.
 

A água limpa e o ar fresco eram o ambiente perfeito para produzir instrumentos de precisão.

Mas a região nunca foi rica, e Hisao Yamazaki, fundador da empresa, viu potencial no local onde a indústria da seda crua floresceu. Ele imaginou uma nova indústria que revitalizaria a área e a vida dos habitantes locais. Yamazaki voltou para a região para assumir os negócios da família.

Se unindo ao prefeito de Suwa e outros líderes empresariais, Yamazaki abordou Shoji Hattori, diretor administrativo da Daini Seikosha (agora Seiko Instruments) com a perspectiva de desenvolver instrumentos de maior precisão

O grupo acreditava que o clima de Suwa era como o da Suíça, com a baixa umidade do verão, seria um ambiente perfeito para uma indústria de precisão. Eles acreditavam que a região poderia ser a Suíça do Oriente e começaram as operações de montagem de relógios. A empresa tinha apenas nove funcionários.

 

A visão de Hisao Yamazaki ainda está viva hoje.

A paixão de Yamazaki por instaurar uma indústria relojoeira japonesa o levou a colecionar peças no final da década de 1940. Se ele não tinha uma peça, ele confeccionava. Em 21 de janeiro de 1946, ele tinha o suficiente para montar quatro relógios, que foram concluídos no dia seguinte após uma noite de trabalho. Apenas dois dos quatro relógios funcionaram, mas isso abriria caminho com um espírito de experimentação que continua vivo na Epson hoje.

 

Yamazaki mostrou forte determinação ao proclamar: “Vou colocar meu coração e minha alma nisso. Temos que nos unir para garantir que esse negócio crie raízes aqui.”

Esta saudação emocional ainda inspira a Epson nos dias de hoje. Mais tarde, Shoji Hattori, que desde então se tornou presidente, descreveria Yamazaki como um homem de integridade e esforço. A atitude de Yamazaki ainda permeia a cultura corporativa da Epson.